Isolamento e saude

Bombardeio de notícias, enclausuramento, medo, incertezas, estresse, ansiedade, alterações no sono, no apetite e na mente.

Você está meditando para relaxar? Não, muita gente está comendo e bebendo que eu sei! O excesso de açúcares e álcool é a tentativa desesperada de termos um pouco mais de relaxamento. Não vai dar certo!
O que fazer então?
O básico: ✔️Hidratação em doses absurdas!
Sede e fome são sensações muito próximas, confusas. Garanta que está hidratado com 1 copo de água a cada hora! ✔️Nutrição de verdade!
Quem come vegetais modula mais os níveis de cortisol (hormônio do estresse). Alimentos ricos em triptofano como banana, aveia, castanhas (nozes, Baru), cacau, assim como chás calmantes como mulungu ou verde podem nos ajudar a equilibrar esse mecanismo do estresse.
Suplementos como Omega 3, l-teanina, l-triptofano também são úteis desde que em doses individualizadas.
O mais relevante seria encaixar à alimentação equilibrada, exercícios físicos, psicoterapia, sol, alongamento, meditação. Incluo ainda ao ritual, orações e o desenvolvimento da resiliência (se adaptar ao caos, sem quebrar: desafiador🔥). Já havia comentado sobre o estudo de Robert Dantze, pela Universidade do Texas trazendo sugestões muito interessantes.
Que mais prejuízos na saúde física e mental teremos após essa crise?
Já investiu na sua nutrição?
Não deixe pra depois !

.

Larissa Cerqueira Nutricionista CRN1/567